Criatividade Coletiva - Inteligência de Marketing para Eventos

INFORMATIVO

Em 2 horas, incêndios devastam mais de um hectare no interior do AC

02/08/2016

'Queimada é uma questão cultura. É complicado', diz bombeiro. 
Dados do INPE registraram 46 focos de incêndio em 24 horas.

 

 

Na segunda maior cidade do Acre, Cruzeiro do Sul, os Bombeiros registraram em apenas duas horas quatro grandes incêndios ambientais. O total da área queimada, segundo a corporação, é de um hectare de terra.

 

Dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) registraram 46 focos de incêndio de segunda (1) para terça-feira (2).

 

Dos quatro casos, duas ocorrências foram atendidas simultaneamente. O comandante, coronel Marcelo Araújo, destacou que os Bombeiros tentam conscientizar sobre as consequências da queimadas para tentar controlar ocorrências.

 

"Existem as ações de fiscalização e prevenção. Nossa parte é tentar alertar a comunidade, que precisa absorver e ter consciência dos problemas causados pelas queimadas. Só assim pode contribuir de forma positiva. Porém, a queimada é uma questão de cultura e isso é complicado desconstruir", alerta.

 

Média de 5 incêndios por dia


Agentes do Corpo de Bombeiros de Cruzeiro do Sul têm atendido uma média de cinco incêndios em áreas urbanas por dia. De acordo com o capitão Rômulo Barros, em alguns casos os focos de incêndio saem o controle e ameaçam outras propriedades. Ele aponta ainda que a própria população como a maior responsável pelas queimadas.

 

Focos aumentaram mais de 400%


Um levantamento do Instituto de Pesquisa Espacial (Inpe) mostra que houve um aumento de 438% no número de focos de calor registrados em Cruzeiro do Sul. Os dados foram coletados entre 1° de janeiro e 29 de julho. Nesse período em 2015 foram registrados 54 focos contra 291 em 2016.

Ao G1, o gerente regional do Instituto do Meio Ambiente do Acre (Imac) no município, Ygoo Neves, disse que o clima pode ter sido o responsável por esse aumento. “Temos que levar em consideração que esse ano tivemos um período de verão mais cedo, tivemos um inverno mais curto e um dos mais secos dos últimos anos”, disse na época.

 

Fonte: http://g1.globo.com/ac/acre/noticia/2016/08/em-2-horas-incendios-devastam-mais-de-um-hectare-no-interior-do-ac.html

Please reload