Primeira frente fria do inverno traz temporais




por Josélia Pegorim

O primeiro fim de semana do inverno de 2016, nos dias 25 e 26 de junho, promete temporais e frio intenso para o Sul do Brasil, algumas áreas do Norte, do Centro-Oeste e o Sudeste.


A primeira frente fria do inverno de 2016 chega ao Brasil no primeiro fim de semana da estação reforçando as áreas de instabilidade que já atuam entre o Sul do Brasil e o Paraguai. Nuvens carregadas voltam a se espalhar sobre os três estados podendo provocar chuva forte, com ventania e até granizo.


O mês de junho está sendo com chuva muita abaixo ou abaixo do normal no Rio Grande do Sul, na maioria das áreas de Santa Catarina e no sudoeste do Paraná. A chuva desta frente fria poderá igualar e até superar a média histórica para junho em muitas áreas da Região Sul.


O mapa mostra a distribuição do volume de chuva sobre o Brasil nos próximos cinco dias. A maior parte da chuva sobre o país ocorre nos estados do Sul.


Esta frente fria vem associada com uma forte massa de ar polar, mas desta vez o frio intenso terá dificuldade para avançar sobre o interior do país. O frio mais intenso será sobre o Sul, mas o ar polar chega forte ao Acre e a Rondônia que devem ter uma friagem mais intensa do que as que já ocorreram este ano.


O Mato Grosso do Sul, o oeste e o sul de Mato Grosso e também o oeste do estado de São Paulo devem sentir uma forte queda da temperatura durante a tarde do domingo e na segunda-feira.


Não se pode descartar completamente a formação de fenômenos como chuva congelada, mas a chance de queda de flocos de neve até o momento é baixa.

Esta frente fria vai organizar um ciclone extratropical sobre o Rio Grande do Sul, mas que deve ser de moderada intensidade.


A meteorologista Josélia Pegorim comenta sobre a chuva e o frio da primeira frente fria do inverno de 2016



Fonte: http://www.climatempo.com.br/noticia/2016/06/21/primeira-frente-fria-inverno-traz-temporais-4851


0 visualização

O projeto Tempo de Aprender em Clima de Ensinar foi criado pela equipe do Laboratório de Meteorologia da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (LAMET/UENF), com o intuito de discutir com alunos e professores de escolas públicas as diferenças entre os conceitos de “tempo” e “clima” através de avaliações e estudos das características da atmosfera.

Criatividade Coletiva