Recorde de frio em Goiânia e em Campo Grande


por Josélia Pegorim - Climatempo


O ar polar chegou forte ao Centro-Oeste do Brasil na madrugada desta segunda-feira causando um resfriamento acentuado em todos os estados. As capitais Campo Grande (MS) e Goiânia (GO) registraram recorde de frio para 2016.


Em Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou uma temperatura mínima de 5,3°C. O recorde anterior era 6,5°C, em 12 de junho.


Goiânia, capital de Goiás, teve temperatura mínima de 12,0°C nesta segunda-feira e foi a mais baixa em 2016 até agora. O recorde anterior era 12,6°C em 13 de junho.



Frio intenso no sul de GO e de MS


A madrugada de 18 de julho foi certamente uma das mais frias do ano no sul de Goiás, com temperaturas abaixo dos 5,0°C. Em Jataí, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 3,0°C e em Rio Verde fez 6,2°.


O sul de Mato Grosso do Sul amanheceu gelado, com temperaturas próximas de 0°C, dando condições para a formação de geada. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 0,7°C em Rio Brilhante, 1,7°C em Água Clara , 2,2°C em Costa Rica e em Amambaí. Juti teve mínima de 2,7°C e Cassilândia de 2,8°C.


O amanhecer desta segunda-feira também foi muito frio em áreas do sul de Mato Grosso, onde a temperatura ficou abaixo dos 5°C. Em Alto Araguaia, a temperatura baixou para 5,3°C. Em Comodoro, a temperatura mínima foi de 9,7°C, em Salto do Céu de 10,2°C e em Tangará da Serra de 10,9°C.


O Distrito Federal também teve temperatura baixa. Em Gama (Ponte Alta) o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 9,7°C.


Fonte: http://www.climatempo.com.br/noticia/2016/07/18/recorde-de-frio-em-goiania-e-em-campo-grande-6506


15 visualizações0 comentário