O que esperar de agosto?


Mês será marcado por novas ondas de frio


O mês de julho tem sido marcado por ondas de frio em grande parte do Centro-Sul do país, mas será que as temperaturas baixas continuam em agosto? Será que as chuvas voltam a ficar mais regulares?


De acordo com a Somar Meteorologia, agosto será um mês sob neutralidade climática no Brasil, isto é, sem atuação de nenhum fenômeno, e com precipitações mais frequentes na região Sul, com acumulados acima do normal, e também na faixa sul e leste do Sudeste, o que indica que as frentes frias sejam mais costeiras. “Apesar disso, o mês de agosto é um dos mais secos nestas áreas e qualquer episódio de chuva pode alcançar a média facilmente, sendo que a segunda quinzena será mais chuvosa do que a primeira”, adianta a técnica em meteorologia, Patricia Vieira.


Agosto também deve ser mais seco e com chuvas abaixo da média sobre o norte e sertão do Nordeste, já que a atuação das Ondas de Leste tem sido mais fraca do que o normal. A expectativa para a região Centro-Oeste é de precipitações dentro do normal e na região Norte, a chuva mais intensa fica concentrada no extremo norte, por conta da ZCIT (Zona de Convergência Intertropical).


Frio continua no próximo mês?


As simulações meteorológicas indicam a entrada de quatro ondas de frio durante agosto, sendo que a mais intensa deve ocorrer no início da segunda quinzena, com temperaturas mínimas abaixo do normal no Centro-Sul do Brasil.


Fonte: http://www.tempoagora.com.br/dia-a-dia/o-que-esperar-de-agosto/


8 visualizações0 comentário

O projeto Tempo de Aprender em Clima de Ensinar foi criado pela equipe do Laboratório de Meteorologia da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (LAMET/UENF), com o intuito de discutir com alunos e professores de escolas públicas as diferenças entre os conceitos de “tempo” e “clima” através de avaliações e estudos das características da atmosfera.

Criatividade Coletiva